A indústria da Convergência e a internet das coisas
João Pessoa,
14 e 15 de Dezembro

Projetos Brasil 4D e Libras TV serão apresentados na Brasil-Canadá 3.0

Além de palestras, painéis e competições de start-ups, a Conferência Internacional Brasil-Canadá 3.0 será uma oportunidade para se conhecer projetos que os setores envolvidos (governo, indústria, 3º setor e academia) têm desenvolvido. Dentre os quais se destacam três dos projetos do Laboratório de Aplicações de Vídeo Digital da UFPB (Lavid/UFPB), que serão conhecidos durante o evento.

Um deles é o Pamin (Patrimônio, Memória e Interatividade), que parte da constatação de que o patrimônio cultural e artístico local é pouco conhecido da sociedade, mesmo quando ele é objeto de políticas públicas: a visão elitista corrente da "arte" e "cultura" desautoriza o "popular" no reconhecimento e definição de suas próprias estratégias, dificultando a expressão de suas experiências e visões de mundo socialmente inscritas.

O Pamin colabora para a "emergência" de grupos, pessoas, processos e movimentos artísticos e culturais em atividade no Brasil, democratizando o acesso à suas produções. A perspectiva do Pamin é de conhecer as experiências artístico-culturais locais através de um dispositivo tecnológico - o site Pamin - onde a própria "periferia" informa o "centro", localizado numa rede de comunicação digital interativa.

Outro projeto do Lavid é o Libras TV, que envolve um conjunto de componentes de software e hardware integrados aos radiodifusores e aos receptores de TV Digital. O objetivo deste projeto é permitir que as legendas da Língua Brasileira de Sinais (Libras) sejam geradas, codificadas, transmitidas e decodificadas de forma automática. Com isto, pretende-se reduzir o custo de geração e produção, além de possibilitar aos usuários do sistema opções como: habilitar/desabilitar ou redimensionar a janela de apresentação de Libras.

Também será apresentado o projeto Ferramenta web de localização de viaturas policiais, já que o posicionamento desses recursos móveis em locais estratégicos poderá contribuir para a redução do tempo dispensado pela força policial no atendimento de uma solicitação da comunidade. A ferramenta que será desenvolvida visa auxiliar os gestores da Polícia Militar da Paraíba na adoção de políticas para redução e inibição da criminalidade, de forma eficiente e eficaz, com o emprego de viaturas policiais em locais estratégicos, melhorando assim a prestação de serviços.

Por fim, o projeto piloto Brasil 4D, uma iniciativa da Empresa Brasil de Comunicação (EBC), e que foi realizado, em João Pessoa, pelo Núcleo Lavid/UFPB, com apoio da TV UFPB. O Projeto Piloto Brasil 4D foi a primeira experiência de interatividade na TV pública, aberta e digital brasileira com público de baixa renda.

Através de um Canal de Serviços, 61.3, exibido pela TV Câmara de João Pessoa, exclusivamente para as 100 famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família da capital, foram transmitidos vídeos interativos produzidos pela TV UFPB, Universidade Católica de Brasília, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e Banco do Brasil. As aplicações que permitiram aos telespectadores interagirem com a programação do Canal de Serviços foram desenvolvidas com a tecnologia Ginga, o middleware do Sistema Brasileiro de TV Digital Terrestre, criado na UFPB, pela equipe do Núcleo Lavid, e pelo Laboratório de Telemídia da PUC Rio de Janeiro.

Com o Canal de Serviços, o Brasil 4D fez chegar aos lares dos  beneficiários do Bolsa Família uma programação interativa com informações sobre serviços públicos essenciais como vacinação, aleitamento materno, cadastro único, benefícios sociais, vagas de cursos gratuitos ofertados pelo Pronatec e vagas de emprego na capital.

A conferência Brasil-Canadá 3.0 é uma realização do Governo do Estado da Paraíba e do Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br) e tem como patrocinadores master a Associação Nacional para Inclusão Digital (Anid), Câmara de Comércio Brasil-Canadá (CCBC)Governo do Canadá e da Empresa Paraibana de Turismo (PBTUR). A edição deste ano acontecerá mais uma vez na Paraíba nos dias 5 e 6 de dezembro, no Centro de Convenções Poeta Ronaldo Cunha Lima, no polo Cabo Branco, em João Pessoa.

A Conferência reunirá Governo, Pesquisadores e Indústria de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) para debater assuntos relacionados ao desenvolvimento e inovação. O título desta edição será “Processos criativos na indústria da convergência: oportunidades e desafios para a produção de conteúdo no ambiente da economia digital”.

Ascom